De exemplos a polêmicos: prefeitos e vices no Ceará estão entre primeiros vacinados contra Covid-19

Compartilhe!

Com o início da vacinação contra a Covid-19 no Ceará, alguns gestores municipais se anteciparam e já tomaram as primeiras doses do imunizante. Em todos os casos, eles são profissionais da saúde e defendem que atuam na linha de frente de combate ao coronavírus. Os políticos destacam a importância de se vacinar para servir como incentivo para a população, mas, em alguns casos, também são questionados por estarem entre os priorizados para a vacinação.

Ao todo, o Ceará recebeu 218 mil doses no primeiro lote da Coronavac, disponibilizado na última segunda-feira (18) pelo Governo Federal. No Eusébio, Dr. Acilon Gonçalves (PL) foi o primeiro cidadão do município vacinado. Nas redes sociais, ele comemorou. “Tive a honra de ser o primeiro eusebiense a ser vacinado”, disse.

“Muito feliz pelo rumo que estamos tomando! Uma esperança que se renova! Mas os cuidados continuam”, acrescentou o prefeito, que também é médico ginecologista.

Filho de Acilon, o prefeito de Aquiraz, Bruno Gonçalves (PL), é médico obstetra. Ele foi vacinado na última terça-feira (19). Na cidade, o primeiro a receber a vacina foi o líder indígena do grupo Jenipapo-Kanindé, Heraldo Alves. “Esse momento renova a esperança da nossa gente. Vamos juntos vencer esse desafio”, disse.

Ao publicar a foto com a vacina nas redes sociais, Bruno foi questionado por alguns seguidores se deveria receber o imunizante já no primeiro lote.

Faço partos quase todos os dias da semana no Hospital Municipal de Aquiraz. Por isso recebi a vacina. E fiz isso também para incentivar as pessoas a se vacinarem”, justificou.

Cerca de 24 horas após a chegada das vacinas ao Ceará, todos os municípios já estavam abastecidos com doses da substância. Em Juazeiro do Norte, o vice-prefeito, Giovanni Sampaio (PSD), recebeu o imunizante na terça-feira.

“Tomei a vacina do Covid 19, como médico e de acordo com a regulamentação do Ministério da Saúde. Espero que, o mais rápido possível, chegue ao povo brasileiro. Lamentáveis as disputas políticas entre o presidente (Jair Bolsonaro) e o governador de São Paulo (João Dória), ambos com posições pessoais. Em pandemia, a vida em primeiro lugar”, escreveu nas redes sociais.

Quem também já recebeu a vacina foi o prefeito de Guaraciaba do Norte, Adail Machado (MDB), que é médico.

Linha de frente

Em Crateús, o vice-prefeito Francisco José Bezerra, 66, foi o escolhido para ser o primeiro cidadão do município a receber a vacina Coronavac.

O gestor trabalhou na linha de frente durante a pandemia no município. Ele é funcionário do Hospital Municipal há 40 anos. Em maio de 2020, Francisco operou uma paciente diabética e assintomática, quando foi contaminado.

“Fiquei com 70% dos pulmões comprometidos, sofri um bocado. Mas, graças a Deus e a ajuda dos colegas que me trataram com muita atenção e respeito, fiquei bem”, complementou o médico em entrevista ao Diário do Nordeste.

“É um momento de muita esperança para que a gente acabe com essa pandemia, que vem causando tantos prejuízos a todo mundo, do ponto de vista psicológico, e de relacionamento”, refletiu. “É preciso mostrar à população que não tenha medo da vacina, que foi feita por tantos gênios, tanta gente boa”, acrescentou Bezerra.

DN


Compartilhe!

Comente com Facebook